Djon África

Drama, Comédia / Ficção / 2018 / Portugal, Brasil, Cabo Verde

Direção: Joao Miller Guerra, Filipa Reis

Idioma: Português (Portugal)
Data de lançamento: 11/09/2018
Classificação Indicativa: 12 anos

Miguel Moreira, também conhecido como Tibars e Djon África, descobre que a genética pode ser cruel quando sua fisionomia – bem como alguns de seus fortes traços de personalidade – o denunciam imediatamente como o filho de seu pai; Alguém que ele nunca conheceu. Esta descoberta intrigante leva-o a tentar descobrir quem é este homem. Tudo o que ele sabe sobre ele é o que sua avó, com quem ele sempre viveu, lhe contou.

Prêmios e festivais

    36º Festival Cinematográfico Internacional del Uruguay, UruguayPrémio FIPRESCI e Menção Especial do Júri

    Rotterdam International Film Festival, 2018, Holanda

    New Directors/New Films, EUA

    San Francisco International Film Festival 2018, EUA

    FoR – Frames of Representation, Reino Unido

    CPH:PIX, Dinamarca

    The New Zealand Film Festival Trust, Nova Zelândia

    Vancouver International Film Festival, Canada

    Afrika Film Festival, Alemanha

    Göteborg Film Festival, Sweden

    36th Filmfest Muenchen, Germany

    CinEuphoria Awards 2019 – Melhor Roteiro e Top 10 do Ano

    Transatlantyk Festival: Lodz 2018

    Valladolid International Film Festival 2018

Ficha Técnica

    Direção: Joao Miller Guerra, Filipa Reis

    Roteiro: João Miller Guerra, Pedro Pinho

    Produção: João Miller Guerra, Filipa Reis, Pedro Pinho

    Direção de Fotografia: Vasco Viana

    Montagem: Luisa Homem, Ricardo Pretti e Eduardo Serrano

    Produtoras: Terratreme Filmes, Desvia Filmes, Oll, Uma Pedra no Sapato

    Elenco: Isabel Muñoz Cardoso, Miguel Moreira, Bitori Nha Bibinha, Patricia Soso

Conheça a Sessão Vitrine

A Sessão Vitrine é um projeto inovador de distribuição coletiva de filmes brasileiros em salas de cinema comerciais e plataformas digitais, realizado pela distribuidora Vitrine Filmes. Estreando filmes a preços reduzidos, o projeto realiza sessões com debates, com o principal objetivo de potencializar a formação de público para o cinema, promovendo a democratização do Cinema Brasileiro. A curadoria do projeto preza por apresentar um recorte descentralizado e atual da produção audiovisual nacional, apresentando ao público os novos clássicos do cinema brasileiro!